______________________________________

.

.

.

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Curiosidades e informações gerais sobre o Paraguai

Desde o início de sua conquista, o Paraguai esteve no caminho para se chegar a outros destinos. Sua capital, Assunção, chamada de “Mãe das Cidades” era o ponto de partida de onde os espanhóis saiam em busca de outras terras e para fundar novos povoados.
Os missionários da Companhia de Jesus chegaram por volta de 1609 e lá permaneceram até meados de 1768. Daí o surgimento das Reduções Guaranis de “Santíssima Trinidad”, Jesús de Tavarangue (ambas declaradas Patrimônio Universal da Humanidade pela UNESCO, na década de 1990), além de “San Inácio Guazu”,”San Cosme e San Damian”, “Santiago”, “Santa Maria” e “Santa Rosa”.
 

A Redução de Jesús é chamada de Tavarangue (significa “aquele que foi sem nunca ter sido”), porque não chegou a ser utilizada e sequer concluída.

Jesus

O Paraguai tornou-se independente em 1811 e desde então, já passou por períodos de guerras (duas), ditaduras, transição democrática e regimes constitucionais.

O uso corrente do espanhol e do guarani está presente desde o nome de pratos que compõe sua culinária (chipá, mbeyú, chipa guazú, payaguá mascada... a base de mandioca, carne, queijo fresco e milho) até em locais onde ainda se podem verificar costumes indígenas, como Capiatá, Yaguarón, Itá, Caazapá,...


Chipa ou chipá - espécie de pão de queijo
Como o consumo de carne bovina é imenso no país, tudo se aproveita, desde o couro na confecção de artesanato típico como na confecção da guampa, que é feita com base no chifre de boi e no qual se toma o tereré (espécie de chimarrão servido gelado).

Guampa
                                                                                 
No artesanato, observam-se o uso do couro, penas, fibras naturais, sementes, além da arte em filigrana e dos instrumentos musicais (os luthiers paraguaios são famosos pelas harpas e guitarras que confeccionam)





Ñanduti

Mapa com as Provincias


População média: um pouco mais de 6 milhões de habitantes.


O desenvolvimento do Paraguai está estreitamente relacionado às duas Usinas Hidrelétricas Binacionais: a de Itaipu (compartilhada com o Brasil) e a de Yacyretá (com a Argentina), juntamente com a agricultura mecanizada e criação de gado.

Acima: Hidrelétrica de Itaipu. Abaixo, Hidrelétrica de Yacyretá

Principais cidades: Assunção (em torno de 600 mil habitantes), Encarnación (divisa com Argentina, ao sul), Ciudad del Este e Pedro Juan Caballero (divisa a leste, com o Brasil).

Segue abaixo uma compilação do documento oficial recebido na divisa, com orientações básicas e importantes onde constam seus direitos e deveres. Pegue o folheto nas divisas e apresente-o sempre que se sentir lesado!

CAMPAÑA FELIZ VIAJE POR PARAGUAY CAMPANHA FELIZ VIAGEM PELO PARAGUAI
O BOLETÍN INFORMATIVO OFICIAL
Documentação necessária para se ingressar ao país:
- no caso dos brasileiros: Carteira de Identidade e cartão de ingresso, completo, timbrado e assinado pela autoridade de Migração – Lei 978/96 ou Passaporte.
Visto com permanência de 90 dias.

Em caso de não ter passaporte e não possuir o cartão de ingresso no país, a multa é de Gs 361.249 (algo em torno de R$ 145,00)ou (U$ 80,00) e se deve exigir o recibo oficial.

Para transitar pelas Rutas (rodovias) do país:
- o condutor deve ter o RG (e cartão de ingresso) ou Passaporte, Carteira de Motorista (melhor se for a Internacional), documentos de identificação dos acompanhantes.
- o veículo deve estar em condições técnicas adequadas e possuir documento.

- Sempre trafegue com o farol baixo aceso. A velocidade média permitida nas rodovias paraguaias é de 80 km/h, portanto, não exceda esse limite, pois você poderá ser flagrado e terá de pagar a multa. Não pague propina! No caso de estar trafegando em zonas urbanas, a velocidade permitida é de 40 km/h.
Caso seja parado numa blitz e tenha algo errado, o policial deverá expedir um documento com a infração descrita, o nome do condutor, identificação do veículo, e você deverá entrar em contato com a Secretaria Nacional de Turismo*, em Assunção, para pagar a multa. (*tel: 021 494 110).
Se nada estiver errado com a documentação e veículo, seja correto e não ceda a corrupção. NÃO PAGUE PROPINA!! Argumente, converse e exija seus direitos.


No momento do pagamento da multa, exija o recibo oficial.
Não pague nada na estrada, ajude-nos a combater as más práticas e a corrupção!



Multa por Infração de Trânsito: O boleto da multa fica em poder no motorista, que pode continuar sua viagem. Ele nada precisa pagar nesse momento.


Esperamos que com essas dicas vocês possam viajar e conhecer com segurança e tranquilidade o nosso vizinho e hermano Paraguay


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Grato por visitar o ViagemFamilia. Críticas, elogios e quaisquer comentários são desejados, desde que feitos em terminologia ética e adequada.

SE FIZER QUESTIONAMENTOS POR FAVOR DEIXE ALGUMA FORMA DE CONTATO PARA POSSIBILITAR A RESPOSTA, COMO E-MAIL, POR EXEMPLO